Desire of the Everlasting Hills

Se você ainda não assistiu, pare tudo o que está fazendo e assista Desire of the Everlasting Hills (aqui). É um belíssimo filme — ou documentário — feito pelo Courage, uma pastoral da Igreja Católica dirigida a homossexuais. O filme apresenta a história de três homossexuais que se converteram ao catolicismo e passaram a viver o celibato. É muito bonito.

 

Standard

Inseguranças

Ontem, assisti uma palestra sobre o namoro. O palestrista era muito bom. Ele é católico praticante, casado e pai de cinco filhos. Em pouco mais de uma hora e meia, falou sobre sua experiência de namoro, os fins do namoro, dificuldades, dicas, etc. Embora tenha gostado bastante e concordado com quase toda a palestra, algumas falas do palestrista me deixaram inseguro sobre meu próprio namoro. Isso porque, como eu já disse em outros posts, tenho uma orientação predominante, embora não exclusivamente homossexual. O palestrista falou sobre a importância do sexo após o casamento. O sexo une o casal e é muito importante para ajudar os cônjuges a superar as incontáveis dificuldades – financeiras, emocionais, profissionais – pelos quais ambos vão passar. Ao ouvir isso, não pude deixar de pensar: será que, após nos casarmos, poderei oferecer à minha namorada relações sexuais satisfatórias?

Continue reading

Standard

Engajar-se ou recuar?

A revista Commonweal acaba de publicar três textos dignos de serem lidos sobre a posição dos católicos em relação ao casamento homossexual. Na realidade, os três textos são reações a um primeiro texto, “The Things We Share: a Catholic’s Case for Same-Sex Marriage“, de Joseph Bottum. As reações são de Ross Douthat, colunista do New York Times, de Jamie Manson, do National Catholic Reporter, e do próprio Bottum, comentando as duas reações ao seu texto. Recomendo vivamente a leitura dos três (quatro, na verdade).

Paz,

Mateus

Obs.: a despeito de falta de posts nos últimos tempos, este blog continua firme.

 

Standard

To infinity and beyond

Faz algumas semanas desde a última vez que atualizei o blog. Disse que ficaria duas ou três semanas sem escrever, mas acabei ficando mais de um mês. É verdade que parte da ausência se explica por problemas profissionais. Mas, nas semanas restantes, fiquei sem escrever por outras razões. Não é que não tivesse assunto. Pelo contrário. Tenho-os, e muitos. O problema reside, talvez, numa questão de prioridades.

Continue reading

Standard

A Polêmica entre Austin Ruse e os New Homophiles

Há, nos Estados Unidos, um número crescente de gays católicos se engajando no debate público. Suponho que isso não seja motivo de espanto. Havendo mais de 70 milhões de americanos católicos, é natural que um percentual desse total tenha uma orientação homossexual. Dada, também, a saliência que o debate sobre a homossexualidade e os “direitos gays” vem ganhando nos últimos tempos, é natural que esse grupo seja levado a se manifestar. E sendo um sub-grupo marginalizado tanto por gays, quanto por católicos, é compreensível que ele procure, por assim dizer, marcar posição. De minha parte, acho isso bastante saudável. Ocorre que essa posição vem ganhando relevo e gerando debates interessantes. Um debate, em particular, chamou-me a atenção. Vou resumi-lo aqui, dando, sempre que cabível, minha própria opinião sobre a questão.

Continue reading

Standard

Skies

Tirei esta foto enquanto sobrevoava o céu da Flórida, numa viagem que fiz aos EUA na última semana.

Skies

Image